EM QUE PÉ ESTÃO AS COISAS POR AQUI

Estou dando (um tempinho) na absurda maratona de estudo pro TJSP pra dar uma atualizada de como estão as coisas.


Pra começar, quem acompanhou as postagens anteriores sabe que TJSP capital não era exatamente minha opção de concurso por que minha meta e alvo é sai de capitais (E de SP também, se possível).


E óbvio que TJSP na capital (que é a opção que escolhi) esta BEM LONGE do meu ideal, já que se eu passar vou pra algum fórum de quebrada, o que é exatamente o contrário do que eu quero. 

Mas... Eu tinha de começar por algum lugar. Senão não saio nunca dessa merda onde estou. Daí resolvi começar a estudar para o TJSP pra ver se tinha chance. 

Mas a porcaria do edital acabou saindo DOIS MESES antes do que eu tinha planejado. Ou seja: Estou dois meses atrasado na matéria em relação a quem já estava estudando (Um monte de gente). E tenho experiência suficiente em concurso para saber quando não tenho chances.

Dai resolvi fazer o concurso só pra acumular experiência e estudar com mais afinco (Edital na rua sempre faz a gente estudar mais). Durante meus estudos já percebo uma (boa) evolução, mas infelizmente não suficiente pra passar em um concurso com 750 candidatos por vaga. Não existe como 759 pessoas estarem pior preparadas que eu. Se esse bendito edital tivesse saídos uns 2 meses depois eu estaria competitivo. Mas como esta, vou tentar jogar o suficiente só pra não perder de goelada.

Meu plano é estudar o quanto der e fazer esse concurso pra escrevente na capital (e tomar bomba) e depois continuar estudando a mesma matéria por que o TJSP costuma fazer concurso pra capital e em seguida por interior. Se isso acontecer, esse intervalo de meses entre um concurso e outro é exatamente o que eu preciso pra ficar super competitivo. 

Ai você pode perguntar: "Mas, e se NÃO tiver outro concurso do TJSP"?

Bom... O TJ de SP não é o único tribunal que faz concursos né? Eu não me limito ao Estado de SP. Pode ser concurso de TJPR, TJRO, TJRS, aliás, até melhor se for fora de SP, desde que pague bem.

A coisa mais chata de edital na praça é que quando saí, você só tem duas escolhas: Ou suspende sua vida temporariamente para estudar o máximo que puder (E dane-se se o carro esta marrom de sujeira, se a pia do banheiro esta vazando, se sua mulher esta chiando que nunca sai), ou você cumpre seus afazeres de ser humano normal com 10 toneladas de culpa por não estar estudando (como se cada segundo de estudo fosse pesar na hora da prova)

O resultado é que estabeleci uma rotina que me permite mais de 3 horas de estudo diárias (em média) 7 dia por semana, mas tive de anular uns 75% da minha vida. E isso por que não estou estudando pra ser realmente competitivo (Já que não existe estudo possível que possa repor 2 meses de atraso de estudo em 3 meses até a prova). Se eu fosse estudar de forma realmente pesada eu teria que me anular ainda mais e estudar muito mais horas por dia.  

Mesmo assim tem horas que bate um desânimo e um cansaço físico e mental brabos. Se estivesse estudando pra arregaçar seria ainda pior. 

E vai ser. Já que uma hora eu vou entrar em algum concurso pra ganhar, não só pra competir.

AddThis